O Centro Covid-19 Santana realiza visitas virtuais diariamente, acompanhadas pela equipe de psicologia da Unidade de Terapia Intensiva (UTI). As chamadas têm duração de até dez minutos por paciente. “Manter o vínculo afetivo do paciente, mesmo que de forma digital, é muito importante para a sua recuperação. Saber que tem uma pessoa especial do outro lado da tela do tablet fortalece e motiva o paciente a enfrentar a doença”, ressaltam as psicólogas da unidade, Marlucia Milhomem e Kellen Silva.

Para os pacientes inconscientes, a equipe da UTI solicita áudios das famílias, via aplicativo de mensagens, para que os mesmos sejam transmitidos ao paciente. “Para garantir o estímulo emocional, colocamos o celular a uma distância segura do paciente e reproduzimos as mensagens de apoio e carinho enviadas pelos familiares”, explica Kellen Silva.

Além das chamadas de vídeo, os familiares dos pacientes também recebem, uma vez ao dia, a ligação de um médico para a atualização do quadro clínico do paciente.

Skip to content